VII Encontro de Formação de Leigos Missionários - Março 2008

Decorreu em Fátima, na Casa de Retiros de Nossa Senhora do Carmo, nos dias 7, 8 e 9 de Março o VII Encontro de Leigos Missionários. Passou de 60 o número dos participantes, na sua maioria jovens, de várias zonas do país, desde Viana do Castelo até ao Algarve.

O Moderador Geral da Evangelização Missionária, Frei Vincenzo Brocanelli, apresentou dois temas, sendo o primeiro sobre «Viver a Missão Hoje». Depois de sublinhar que a missão brota da vocação e que tem a sua razão e medida na fé, participando cada um na «Missio Dei» (missão de Deus), tendo a sua centralidade na Cruz, falou sobre o dinamismo missionário na vida franciscana.

Este dinamismo centra-se em Cristo: escuta da palavra, alimentar-se na eucaristia e contemplação. Depois o missionário deve sentir-se enviado, deixando-se guiar pelo Senhor e caminhar na direcção do próximo.

Referiu ainda que para viver a missão franciscana é pedido que se viva não sozinho, mas em fraternidade, num projecto missionário comum, que assenta em cinco pilares: alegria da fé, diálogo, itinerância, alegria da evangelização e santidade fraterna.

Versou ainda outro tema sobre as missões na visão franciscana. Aqui distinguiu o que eram as missões antes do Concílio, de forma clássica, onde o missionário partia por toda a vida, e a nova visão da missão com um novo rosto.

Hoje as missões franciscanas tendem a ser fraternidades-em-missão, isto é, toda a fraternidade é missionária e não só um frade isolado. As fraternidades procuram ser internacionais e interculturais com projectos missionários comuns ao serviço das igrejas locais, com estruturas novas, simples e flexíveis. Mais do que convencer, deve haver a preocupação em acompanhar, construindo relações interpessoais.

Frei Vincenzo ainda teve tempo para falar da sua experiência como missionário no Ruanda durante o conflito que assolou o País e mostrou aos presentes alguns projectos da Ordem Franciscana que estão sob a orientação do Ministro Geral e que o nosso jornal desde há meses tem vindo a dar a conhecer.

A Irmã Tassy, das Concepcionistas ao Serviço dos Pobres, natural de Inhambane, Moçambique, falou sobre o papel da mulher africana como mãe, educadora, esposa e até missionária.

Frei Vítor Rafael, Procurador Nacional da UMF, abordou o tema da necessidade da formação a dar aos leigos que pretendem fazer a sua experiência missionária e ainda sobre as estruturas a ter em conta, tanto cá como no local para onde são enviados.

No domingo, dia 9, celebrou-se a Eucaristia, durante a qual o Fr. Vítor fez o envio do leigo missionário Nuno Vale, da fraternidade da OFS de Leça. Este leigo irá durante um mês para o Chimoio, mais concretamente para o Lar de S. Gabriel, onde vivem adolescentes e jovens órfãos da SIDA e alguns que deixaram de ter a rua como casa.

Resta-nos agradecer a todos os que colaboraram directa e indirectamente, contribuindo para que este Encontro formativo resultasse num autêntico sucesso! 
Obrigado! 
Paz e Bem!

 

VII Encontro de Formação de Leigos Missionários - Março 2008

VII Encontro de Formação de Leigos Missionários - Março 2008

VII Encontro de Formação de Leigos Missionários - Março 2008

VII Encontro de Formação de Leigos Missionários - Março 2008

VII Encontro de Formação de Leigos Missionários - Março 2008

VII Encontro de Formação de Leigos Missionários - Março 2008

VII Encontro de Formação de Leigos Missionários - Março 2008

VII Encontro de Formação de Leigos Missionários - Março 2008